Segredos da Anitha

agosto 04, 2010

Na Noite

A água quente percorre seu corpo alvo deixando-o avermelhado. É no banho que ela pensa no traje que vestirá para celebrar a noite. O mesmo preto de sempre, a mesma maquilagem escura de sempre, o amarrar cuidadoso dos coturnos de cano alto e no pensamento a esperança de conseguir esquecer por algumas horas quem ela era. O ar da noite a enfeitiçava, contentou-se com a ausência de fumaça, o cigarro sempre a sufocava. O álcool a dominou entre uma música e outra e logo ela sentiu o poder que habita os embriagados. Tudo e todos se moviam lentamente ao redor de sua felicidade aumentada. Dançou, sonhou, amou ... e se libertou de si.. No fim, o corpo cansado, a maquilagem borrada e o sol nasce pra estampar a realidade.
posted by Anitha at 11:08:00 AM

7 Comments:

é um bom relato de uma rotina vivida por nos mulheres
gostei muiito
beeijo

4 de agosto de 2010 13:34  

É uma pena que os sonhos não durem...

4 de agosto de 2010 16:05  

Lindo texto. Bjs.

4 de agosto de 2010 17:08  

A noite por si conta suas historias e guarda suas memorias...beijos de bom dia.

5 de agosto de 2010 08:45  

O real tem cheiro de desgaste. Apurado, sentido e motivado! Bjs moça e obrigado.

5 de agosto de 2010 09:20  

Gostei daqui...

Seguindo! ;)

Abraço!

6 de agosto de 2010 15:28  

haha, muito bom, amor! Realmente tudo isso é verdade... Ah, brigada por passar lá no blog <3

6 de agosto de 2010 22:50  

Postar um comentário

<< Home